SIG como Ferramenta Tecnológica para Cemitérios

GIS CemiteriosÉ isso mesmo que você leu! Iremos comentar sobre um trabalho publicado no contexto do uso de Sistemas de Informações Geográficas (SIG) para cemitérios. O artigo em questão apresenta como o uso de softwares livres para Geoprocessamento podem, apoiados em uma metodologia específica, contribuir para a construção de solução geoespacial neste nicho. Os programas gvSIG, Spring e Kosmo SIG têm destaque na publicação.

Digno de nota é que esta não é a primeira vez que indicamos para nossos leitores um trabalho científico que aborda o uso de Geotecnologias para Cemitérios. Assim, recomendo fortemente que leia também:

 SIG PARA PESQUISA CEMITERIAL

O artigo que iremos indicar para leitura na íntegra possui o título Sistemas de Informações Geográficas: Ferramentas Tecnológicas para a Pesquisa Cemiterial.

Conforme comentado pela autora, Maristela Carneiro, a metodologia exposta contribuiu para a construção do olhar interdisciplinar, fundamental para a investigação então proposta, a qual priorizou o levantamento quantitativo e qualitativo dos elementos materiais e simbólicos.

Como já citado em nossa introdução, no projeto de pesquisa foram utilizados o Spring, Kosmo SIG e gvSIG, além de outros programas externos à área de Geotecnologias, tais como o Inkscape. A imagem abaixo ilustra a visualização dos dados no ambiente de um desses programas, o Kosmo.

Sistemas de Informações Geográficas: Ferramentas Tecnológicas para a Pesquisa Cemiterial

Logicamente, os programas empregado na pesquisa podem ser utilizados para o processamento dos dados de qualquer necrópole (cemitério), desde que satisfeitas as condições mínimas de coleta, como explicado pela autora.

Cursos Online de AutoCAD 2D e 3D

GEOTECNOLOGIAS PARA CEMITÉRIOS

Faça o download do trabalho, no formato PDF (6,4 MB), a partir do link abaixo.

Na conclusão do artigo, que foi publicado em 2012, temos os seguintes comentários sobre os resultados obtidos:

“No caso da análise do Cemitério Municipal São José, os SIG enriqueceram o estudo cemiterial, principalmente pela habilidade de armazenar e gerenciar os dados coletados, possibilitando uma leitura mais complexa dos objetos propostos. Destacamos que o uso destas ferramentas tecnológicas foi de fundamental importância, pois permitiu inclusive que a investigação se pautasse conforme uma escala de análise ampliada, pois a ausência destas não permitiria que trabalhássemos com um volume tão grande de dados com rapidez e flexibilidade”.

OBS: O trabalho foi realizado junto ao Cemitério Municipal São José, localizado em Ponta Grossa, Paraná e resultou na na dissertação de mestrado da autora, com o título “Construções tumulares e representações de alteridade: materialidade e simbolismo no Cemitério Municipal São José, Ponta Grossa/PR/BR, 1881-2011” [Download].

O que achou desta dica de leitura? Já conhecia a aplicação das Geotecnologias na gestão de cemitérios?

Assine nosso FeedAssine nosso Feed e receba nossas atualizações por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

Sobre Anderson Medeiros 970 Artigos
Em 2017 foi reconhecido como o Profissional do Ano no Brasil no setor de Geotecnologias. Graduado em Geoprocessamento, trabalha com Geotecnologias desde 2005. Já ministrou dezenas de cursos de Geoprocessamento com Softwares Livres em diversas cidades, além de outros treinamentos na modalidade EaD. Desde 2008 publica conteúdo sobre Geoinformação e suas tecnologias como QGIS, PostGIS, gvSIG, i3Geo, entre outras.

9 Comentário

  1. terezinha maria rubbo maineri disse:

    preciso de um curso básico para administração de cemitérios, para depois aprofundar meus estudos nessa área.
    grata
    Terezinha Maineri

  2. Olá…
    Sou Luandson Teles e assumi a administração do Cemitério Municipal São Francisco em RIO BRANCO – Acre. E gostaria de fazer um trabalho diferenciado nesse setor, e como os seus próprios estudos ja indicaram, todos os registros são feitos de modo arcaico, e gostaria de ter acesso ao Sihtério.
    Como faço pra obter o programa.

  3. Rogério Chiaroti disse:

    Sua resposta será pelo e-mail, ou através do seu site?

  4. Rogério Chiaroti disse:

    Anderson
    Sou jornalista e faço pesquisas para edição de livros.
    Gostaria agora de suprir uma necessidade de minha cidade, e informatizar os registros do cemitério.
    Baixei o Sigtério.pdf, e encontrei algumas informações.
    Eu gostaria de comprar o seu programa para o cadastro das sepulturas.
    Preciso também de maiores informações sobre o assunto.
    De que forma você pode colaborar com este meu serviço?
    Att
    Rogério Chiaroti

    • Rogério, como vai?
      O programa não é vendido. Na verdade o que é feito é uma customização, uma aplicação, para atender as demandas do cliente.
      Eu presto consultoria para este tipo de finalidade.
      Abraço!

  5. Francisco Erisvaldo disse:

    Muito bacana e riquíssimo em conhecimento o site do Anderson Medeiros!!!

    Erisvaldo

    Estudante de Gestão Ambiental IFPB- Princesa Isabel

1 Trackback / Pingback

  1. Sistemas de Informações Geogr&aac...

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*