Como gerar Memorial Descritivo usando o QGIS

Como produzir um Memorial Descritivo usando o QGIS

Você sabia que é possível gerar um memorial descritivo usando o QGIS? Sim! O QGIS possui um plugin que, entre outras coisas, serve para gerar o conteúdo de um memorial descritivo. Trata-se do complemento Azimuth and Distance Calculator. Neste tutorial vamos ensinar este processo.

QGIS: PLUGIN AZIMUTH AND DISTANCE CALCULATOR

Recentemente publicamos um tutorial sobre o complemento Azimuth and Distance Plugin, que serve para criar feições (linhas ou polígonos, por exemplo) a partir da entrada de dados de azimutes e distâncias.

Você pode conferir este tutorial no link abaixo, onde também explico melhor o que é um memorial descritivo:




O plugin que vamos utilizar agora faz, por assim dizer, o processo inverso do recurso explicado no tutorial acima. Ele gera as informações de azimute e distâncias (bem como outros dados) a partir de uma feição já existente.

Neste tutorial vamos criar um memorial descritivo com base na geometria ilustrada na imagem abaixo. Para praticar, você pode baixar o shapefile clicando aqui.

Como gerar Memorial Descritivo usando o QGIS

Para começar, selecione a feição que representa o localidade (Fazendo, propriedade rural, lote, etc) que você deseja usar como base para informações do memorial descritivo.

A forma mais simples de fazer isso é realizando a seleção manual através da ferramenta mostrada na imagem abaixo.

Seleção de Dados no QGIS

Logicamente, é necessário termos instalado o plugin Azimuth and Distance Calculator. Caso você não saiba como fazer a instalação de um complemento no QGIS, clique aqui para ver um tutorial onde ensinamos isso.

Depois da instalação (e com a feição selecionada) acesse o menu Complementos → Azimuth and Distance Calculator → Calculator.

QGIS: Azimuth and Distance Calculator

Na janela que é aberta você notará uma mensagem em vermelho onde é destacada a informação de que todos os arquivos gerados são feitos de acordo com a legislação brasileira.

Como nosso objetivo aqui é gerar o memorial descritivo, devemos clicar em Calcular Azimutes e Distancias.

Calcular Azimutes e Distâncias no QGIS

Será aberta uma nova janela onde vamos descrever os limites da propriedade, incluindo os confrontantes dela.

Aprenda como gerar Memorial Descritivo usando o QGIS

Siga a seguinte sequência de passos:

  • (1) Clique em Calcular a convergência baseada no centróide;
  • (2) Indique o número de casas decimais para as coordenadas [aqui usei 3 casas como exemplo];
  • (3) Digite os dados dos Confrontantes [aqui usamos nomes de pessoas];
  • (4) Clique em Salvar Arquivos.

Tutorial: Aprenda como gerar Memorial Descritivo usando o QGIS

Os campos da janela que aparece em sequência não são de preenchimento obrigatório. Na imagem abaixo preenchi com alguns dados fictícios. Logicamente você preencheria da forma mais adequada para sua realidade e demanda.

Configuração dos Arquivos do Memorial Descritivo

Depois de preencher os campos que forem necessários (da forma como deseja que apareçam no memorial), clique em Diretório para salvar arquivos e indique uma pasta onde eles serão criados. Aqui indiquei a pasta C:\ClickGeo como exemplo. Depois, clique em Criar arquivos.

Tutorial: Como gerar Memorial Descritivo usando o QGIS

Vai aparecer uma mensagem confirmando que os arquivos foram criados com sucesso. Clique em OK.

Como criar um Memorial Descritivo usando o QGIS

Vá até a pasta onde seus arquivos foram criados. Lá você vai encontrar 4 arquivos de extensão TXT e 1 arquivo HTML.

Memoriais Descritivos gerados no QGIS

O memorial descritivo propriamente dito está no arquivo analitico.txt (ilustrado na imagem abaixo, aberto no bloco de notas do Windows).

Você poderia copiar este conteúdo e/ou dos demais arquivos criados para um editor de textos mais completo e finalizar os ajustes que forem necessários.

Tutorial: Como gerar Memorial Descritivo com o QGIS

Assim acabamos de gerar nosso memorial descritivo usando o QGIS. O que achou? Ficou com alguma dúvida?

Deixe seus comentários sobre a utilidade que este material terá em suas atividades. Aproveite e veja também as seguintes dicas relacionadas ao uso do QGIS:

Em caso de dúvidas, estamos à disposição.

Cadastre-se Gratuitamente em nossa Lista VIP e receba nossas novidades por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Canal no Youtube para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias

Sobre Anderson Medeiros 979 Artigos
Em 2017 foi reconhecido como o Profissional do Ano no Brasil no setor de Geotecnologias. Graduado em Geoprocessamento, trabalha com Geotecnologias desde 2005. Já ministrou dezenas de cursos de Geoprocessamento com Softwares Livres em diversas cidades, além de outros treinamentos na modalidade EaD. Desde 2008 publica conteúdo sobre Geoinformação e suas tecnologias como QGIS, PostGIS, gvSIG, i3Geo, entre outras.

16 Comentário

  1. BRUNO HENRIQUE PONTES disse:

    BOA NOITE ANDERSON VENHO A TEMPO UTILIZANDO ESSE PLUING MAS ULTIMAMENTE VENHO PERCEBENDO QUE A METRAGEM DO MEU POLIGONO ESTA DANDO DIFERENÇA COM A QUE O PLUING COLOCA NA GERAÇÃO DO MEMORIAL, A DIFERENÇA É PEQUENA CERCA DE NO MAXIMO 50CM SEMPRE A MAIS, NO PLUING QUE A METRAGEM FEITA POR LINHA LA NO POLIGONO. VOCÊ SABERIA ME DIZER COMO RESOLVER ISSO?

  2. Alex MARTINS disse:

    Bom dia Anderson, muito bom o tutorial, no teste que realizei com um polígono de uma fazenda aqui da região, o campo distancia ficou com valores 0,00, será porque isso aconteceu?

    • Oi Alex, tudo bem?
      Você tentou mais de uma vez? Revisou pra ver se não está faltando nada do processo?
      Os dados estão georreferenciados? Em qual sistema?
      Abraço.

    • FRANCISCO RAFAEL DAS CHAGAS MAIA disse:

      Muito boa essa ferramenta

  3. Aline Lino Orcesi disse:

    Interessante a ferramenta. No entanto, ele não puxa o nome dos vértices, pois renomeia automaticamente desde P0 em diante.

    Tem alguma forma de gerar com os nomes vértices originais?

  4. Guilherme Marques disse:

    Anderson, obrigado pelo tópico.
    Gostaria de saber se tem como gerar coordenadas geográficas em Graus, Minutos e Segundos diretamente ao invés de fazer a conversão das coordenadas em UTM ou em graus decimais uma por uma no produto final.

    Graciosamente

  5. Sandra Mota Baldez disse:

    Anderson,
    boa noite.

    Agradecida por este tutorial, mas gostaria de saber onde seleciono o formato das coordenadas. O meu memorial deveria aparecer em UTM /UPS e foi salvo como graus decimais.

  6. Excelente tutorial (como sempre!)

    Esse procedimento facilita muito o trabalho dos profissionais.

    Uma dúvida: geralmente nos memoriais descritivos vem acompanhado um mapa da propriedade com o nome dos confrontantes, o Qgis realiza esse procedimento de forma automática como faz esse plugin?

    No mais, meus parabéns! Sucesso!

  7. Diogo Vendruscolo disse:

    Muito bem explicado Anderson. Foi de grande valia para todos que acompanham com certeza.

  8. Leonardo Graciano Romualdo disse:

    Uso o Qgis mais para converter arquivos. Mais cada dia que leio sobre o que faz este programa, fico mais impressionado. Parabéns pela matéria.

  9. Leonardo Cardoso disse:

    Excelente esta explicação sobre este plugin. Trabalho com este tipo de serviço e não conhecia esta ferramenta, inclusive vou testá-la em um memorial que preciso emitir.

      • Amilton Evaristo disse:

        Grato pelo material, estava mesmo a procura de algo assim, entretanto, fiquei com a pulga na orelha (dúvida), o ponto inicial como é definido? Será que há uma forma de defini-lo de forma manual?

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*