Gerar layer Pontual a partir de Coordenadas no Kosmo SIG

Como gerar layer Pontual a partir de Coordenadas no Kosmo SIG

Os dados em Geoprocessamento procedem de diversas fontes. Muitas vezes tem de ser convertidos até que estejam no formato mais adequado para aplicação desejada. O presente tutorial mostrará como gerar um layer de pontos com o Kosmo SIG a partir de um arquivo *.dbf com coordenadas UTM coletadas em campo.

O Kosmo em suas versões mais recentes apresenta a funcionalidade de carregar tabelas do formato *.dbf (DBase), *.mdb (Access) bem como tabelas não espaciais de banco de dados PostreSQL, MySQL e Oracle. Em nosso caso iremos carregar um arquivo *.dbf com coordenadas UTM de pontos referentes a uma área para agricultura.

IMPORTAÇÃO DA TABELA PARA O KOSMO

Este tutorial também está disponível em formato de vídeo. Confira abaixo e aproveite para se inscrever em nosso Canal no Youtube. É gratuito!

Usando o ícone “Carregar Tabela” podemos abrir a janela para importação do arquivo desejado. Depois de selecionar o arquivo, escolha a opção “Aceitar“.

Carregar Tabela

GERAÇÃO DO LAYER DE PONTOS

Será aberta a tabela com as coordenadas dos pontos, como a representada abaixo. Note que será necessário haver uma nomeação das colunas (Nesse caso “N” e “E”), isso é importante, pois mais adiante o Kosmo solicitará que sejam fornecidos os nomes destas.

Tabela Importada

Após isso, conforme a figura abaixo, vá até o menu principal e escolha: Ferramentas > Conversão > Transformar tabela em layer.

Transformar tabela em layer

Essa operação fará com que seja aberta uma janela para definição do tipo de layer a ser gerado (pontos), bem como a indicação dos campos que serão a base das coordenadas.

Caso se tenha aberto mais de uma tabela, é importante que o usuário se certifique de selecionar no campo “Tabela” a que realmente será usada para geração dos pontos (em nosso exemplo a tabela é denominada “agri“).

Tabela

Selecione os campos correspondentes as coordenadas “X“, “Y” e Z, se existir, e clique em “Aceitar“. Feito isso o layer será criado na categoria de “Resultado“. Torne-o visível e dê um “Zoom à escala completa“.

Resultado

Esta camada de informação ainda consiste de um arquivo temporário, mas que podemos salvar de forma permanente. Para fazer isso temos várias possibilidades disponíveis.

Uma primeira maneira é através do Menu: Ferramentas → Conversão → Exportar Entidades. Fazendo assim restará escolher o diretório onde será salvo e o tipo do arquivo de saída.

A forma mais comum de salvar permanentemente esses dados é através do ícone “Salvar (Ou Guardar) dados como…“.

DOWNLOAD DO TUTORIAL DE KOSMO SIG

Quer fazer o download da versão em PDF deste tutorial? Acesse o link abaixo:

  • [download id=”31″]

O que acharam deste tutorial? Alguma dúvida sobre este procedimento? Gostariam de uma sequência da série sobre uso das ferramentas de conversão do Kosmo SIG? Deixem seus comentários!

feedAssine nosso Feed e receba nossas atualizações por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

Sobre Anderson Medeiros 988 Artigos
Em 2017 foi reconhecido como o Profissional do Ano no Brasil no setor de Geotecnologias. Graduado em Geoprocessamento, trabalha com Geotecnologias desde 2005. Já ministrou dezenas de cursos de Geoprocessamento com Softwares Livres em diversas cidades, além de outros treinamentos na modalidade EaD. Desde 2008 publica conteúdo sobre Geoinformação e suas tecnologias como QGIS, PostGIS, gvSIG, i3Geo, entre outras.

1 Trackback / Pingback

  1. Lista de Tutoriais do SIG Kosmo na Blogosfera

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*