Artigo sobre Uso Prático de Python e ArcGIS

Artigo sobre Uso Prático de Python e ArcGIS

O artigo que iremos divulgar aqui tem por objetivo a consolidação dos conhecimentos teóricos e práticos adquiridos em sala de aulas pelos autores na disciplina de Tópicos Especiais em Processamento de Dados, desde o cálculo das medidas estatísticas baseadas em tabelas e layers no formato shapefile desenvolvendo scripts (Python) com ferramentas do ArcGIS.

PUBLICAÇÃO SOBRE USO DE PYTHON E ARCGIS

O título do artigo é Uso de Python e ArcGIS na Avaliação da acessibilidade das Populações Rurais ao Ensino Básico – Caso do distrito de Chicualacuala. A área de estudo, portanto, fica em Moçambique, no sudeste do continente africano.

A utilização do Python permite gerar scripts que podem rodar de forma automática a análise espacial no ArcMap e facilitando assim o manuseio do SIG para o usuário final. Por exemplo: selecionando o tamanho do buffer de interesse, como também os nomes dos layers e/ou tabelas. Com isso é obtida uma maior generalização dos resultados, pois áreas distintas podem ser analisadas facilmente apenas trocando os parâmetros de entrado do script.

A partir do ambiente ArcMap pode-se acessar a janela do Python (Python window), onde desenvolve-se o script importando a biblioteca arcpy a partir da qual, chama-se a ferramenta Buffer_Analysis, conforme ilustrado abaixo.

Uso de Python e ArcGIS na Avaliação da acessibilidade das Populações Rurais ao Ensino Básico – Caso do distrito de Chicualacuala

Com o emprego da tecnologia SIG sob bases espaciais de qualidade, os fatores de decisão para a determinação das novas localizações escolares passam a privilegiar a localização precisa do educando em detrimento dos limites administrativos.

Uso de Python e ArcGIS na Avaliação da acessibilidade das Populações Rurais ao Ensino Básico

A partir dos resultados explanados no estudo nota-se que, de um universo de 48 escolas do ensino básico do distrito de Chicualacuala, distribuídas espacialmente sob um território com uma população organizada em 68 aldeias, apenas 31 aldeias correspondentes a 45,6% é que percorrem distâncias não superiores a 3 km para alcançar as escolas mais próximas.

DOWNLOAD DO ARTIGO SOBRE ARCGIS E PYTHON

O artigo está disponível para download nos Anais do V SIMGEO, realizado em Recife/PE dias 12-14 denovembro de 2014.

Para entender melhor a metodologia empregada no trabalho, acesse o link abaixo:

Os autores da publicação são Raúl Afonso Cumbe e Ana Lúcia Benzerra Candeias, que atualmente possuem vínculo com o programa de pós-graduação em Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação da UFPE.

Temos outras dicas de leitura relacionadas com estas temáticas (Python e ArcGIS):

Assine nosso FeedAssine nosso Feed e receba nossas atualizações por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *